(11) 98714-5902 | SAC (11) 2021-3934 | Fale Conosco

Minha CestaR$0,00

Product was successfully added to your shopping cart.

CELESTONE SOLUSPAN

Seja a primeira pessoa a avaliar este produto

CELESTONE Injetável é indicado em vários distúrbios endócrinos, osteomusculares, do colágeno, dermatológicos, alérgicos, oftálmicos, gastrintestinais, respiratórios, hematológicos e outras doenças sensíveis à corticoterapia. A corticoterapia hormonal é adjunta e não substituta à terapia convencional. Este medicamento é indicado quando se exige ou deseja um efeito corticosteróide rápido e intenso. 
Distúrbios endócrinos 
– Insuficiência supra-renal primária ou secundária (associada a mineralocorticóides, se necessário); hipoadrenalismo agudo; trauma grave ou procedimento cirúrgico em pacientes com hipoadrenalismo conhecido ou com reserva córtico-supra-renal duvidosa; em casos de choque em pacientes que não respondem ao tratamento convencional devido à insuficiência supra-renal suspeita ou confirmada; adrenalectomia bilateral; hiperplasia supra-renal congênita; tireoidite aguda, não-supurativa e crise tireoidiana; hipercalcemia associada ao câncer. Edema cerebral (pressão intracranial elevada)
– Os benefícios do uso coadjuvante de corticosteróides no tratamento de edema cerebral provavelmente se devem ao controle da inflamação cerebral. Os corticosteróides não devem ser considerados como substitutos de procedimentos neurocirúrgicos. São úteis como terapia coadjuvante na redução ou prevenção do edema cerebral associado à cirurgia e a outros traumas cerebrais, acidentes cérebrovasculares e tumores cerebrais malignos, tanto primários quanto metastáticos. 
Prevenção de rejeição em transplantes de rim 
– No tratamento de rejeição primária aguda e tardia, administrado concomitantemente ao tratamento convencional para a prevenção de rejeição do transplante de rim. Uso pré-natal na prevenção da síndrome da membrana hialina em prematuros
– Como tratamento profilático, administrado à mulher grávida (antes da 32a semana de gestação), antes do parto. Distúrbios osteomusculares 
– Como auxiliar no tratamento em curto prazo (em período de agudização ou exacerbação) da artrite reumatóide; osteoartrite (pós-traumática ou sinovite); artrite psoriática; espondilite anquilosante; artrite gotosa aguda; bursite aguda e subaguda; febre reumática aguda; fibrosite; epicondilite; tenossinovite inespecífica aguda; miosite; calosidade. 
CELESTONE Injetável também pode ser útil no tratamento de tumores císticos na aponeurose ou em tendões. Doenças do colágeno 
– Durante exacerbação ou na terapia de manutenção em certos casos de lúpus eritematoso sistêmico, cardite reumática aguda, esclerodermia; dermatomiosite. Afecções dermatológicas 
– Pênfigo; dermatite herpetiforme bolhosa; eritema multiforme grave (síndrome de Stevens-Johnson); dermatite esfoliativa; micose fungóide; psoríase grave; eczema alérgico (dermatite crônica); dermatite seborréica grave. Mantecorp CELESTONE INJETÁVEL 9 A administração intralesional de CELESTONE Injetável é indicada no tratamento de quelóides; hipertrofia localizada, lesões inflamatórias infiltradas de líquen plano, placas psoríacas, granuloma anular e líquen simples crônico (neurodermatite); lúpus eritematoso discóide; necrobiose lipoídica dos diabéticos; alopecia areata. Estados alérgicos 
– No controle de condições alérgicas incapacitantes graves sem resposta aos tratamentos convencionais, como a rinite alérgica sazonal ou perene, polipose nasal, asma brônquica (inclusive estado de mal asmático), dermatite de contato, dermatite atópica (neurodermatite), reações medicamentosas, doença do soro; edema laríngeo não-infeccioso agudo. Patologias oftálmicas 
– Processos alérgicos e inflamatórios graves, agudos e crônicos, envolvendo os olhos e seus anexos, como conjuntivite alérgica, ceratite, úlceras marginais de córnea, herpes-zoster oftálmico, irite, iridociclite, corioretinite, inflamação do segmento anterior, uveíte e coroidite posteriores difusas, neurite ótica e oftalmia do simpático. Afecções respiratórias
– Sarcoidose sintomática; síndrome de Loeffler não controlada por outros meios; beriliose; tuberculose pulmonar fulminante ou disseminada quando associada à quimioterapia antituberculosa adequada; e pneumonite por aspiração. Distúrbios hematológicos 
– Trombocitopenia idiopática e secundária em adultos; anemia hemolítica adquirida (auto-imune); eritroblastopenia; anemia hipoplástica congênita (eritróide); reações transfusionais. Afecções gastrintestinais – para auxiliar o paciente durante um período crítico de colite ulcerativa; enterite regional. Neoplasias – Para o tratamento paliativo de leucemias e linfomas em adultos; leucemia aguda em crianças. Estados edematosos – Para indução da diurese ou remissão da proteinúria na síndrome nefrótica idiopática não-urêmica ou na síndrome nefrótica causada pelo lúpus eritematoso. Outras – Meningite tuberculosa com bloqueio subaracnóide ou bloqueio iminente quando acompanhada de quimioterapia antituberculosa adequada; triquinose associada a distúrbios neurológicos e miocárdicos. 

 

Disponibilidade: Em estoque

-+
R$20,23

Detalhes

Celestone Injetavel - Indicações

CELESTONE Injetável é indicado em vários distúrbios endócrinos, osteomusculares, do colágeno, dermatológicos, alérgicos, oftálmicos, gastrintestinais, respiratórios, hematológicos e outras doenças sensíveis à corticoterapia. A corticoterapia hormonal é adjunta e não substituta à terapia convencional. Este medicamento é indicado quando se exige ou deseja um efeito corticosteróide rápido e intenso. 
Distúrbios endócrinos 
– Insuficiência supra-renal primária ou secundária (associada a mineralocorticóides, se necessário); hipoadrenalismo agudo; trauma grave ou procedimento cirúrgico em pacientes com hipoadrenalismo conhecido ou com reserva córtico-supra-renal duvidosa; em casos de choque em pacientes que não respondem ao tratamento convencional devido à insuficiência supra-renal suspeita ou confirmada; adrenalectomia bilateral; hiperplasia supra-renal congênita; tireoidite aguda, não-supurativa e crise tireoidiana; hipercalcemia associada ao câncer. Edema cerebral (pressão intracranial elevada)
– Os benefícios do uso coadjuvante de corticosteróides no tratamento de edema cerebral provavelmente se devem ao controle da inflamação cerebral. Os corticosteróides não devem ser considerados como substitutos de procedimentos neurocirúrgicos. São úteis como terapia coadjuvante na redução ou prevenção do edema cerebral associado à cirurgia e a outros traumas cerebrais, acidentes cérebrovasculares e tumores cerebrais malignos, tanto primários quanto metastáticos. 
Prevenção de rejeição em transplantes de rim 
– No tratamento de rejeição primária aguda e tardia, administrado concomitantemente ao tratamento convencional para a prevenção de rejeição do transplante de rim. Uso pré-natal na prevenção da síndrome da membrana hialina em prematuros
– Como tratamento profilático, administrado à mulher grávida (antes da 32a semana de gestação), antes do parto. Distúrbios osteomusculares 
– Como auxiliar no tratamento em curto prazo (em período de agudização ou exacerbação) da artrite reumatóide; osteoartrite (pós-traumática ou sinovite); artrite psoriática; espondilite anquilosante; artrite gotosa aguda; bursite aguda e subaguda; febre reumática aguda; fibrosite; epicondilite; tenossinovite inespecífica aguda; miosite; calosidade. 
CELESTONE Injetável também pode ser útil no tratamento de tumores císticos na aponeurose ou em tendões. Doenças do colágeno 
– Durante exacerbação ou na terapia de manutenção em certos casos de lúpus eritematoso sistêmico, cardite reumática aguda, esclerodermia; dermatomiosite. Afecções dermatológicas 
– Pênfigo; dermatite herpetiforme bolhosa; eritema multiforme grave (síndrome de Stevens-Johnson); dermatite esfoliativa; micose fungóide; psoríase grave; eczema alérgico (dermatite crônica); dermatite seborréica grave. Mantecorp CELESTONE INJETÁVEL 9 A administração intralesional de CELESTONE Injetável é indicada no tratamento de quelóides; hipertrofia localizada, lesões inflamatórias infiltradas de líquen plano, placas psoríacas, granuloma anular e líquen simples crônico (neurodermatite); lúpus eritematoso discóide; necrobiose lipoídica dos diabéticos; alopecia areata. Estados alérgicos 
– No controle de condições alérgicas incapacitantes graves sem resposta aos tratamentos convencionais, como a rinite alérgica sazonal ou perene, polipose nasal, asma brônquica (inclusive estado de mal asmático), dermatite de contato, dermatite atópica (neurodermatite), reações medicamentosas, doença do soro; edema laríngeo não-infeccioso agudo. Patologias oftálmicas 
– Processos alérgicos e inflamatórios graves, agudos e crônicos, envolvendo os olhos e seus anexos, como conjuntivite alérgica, ceratite, úlceras marginais de córnea, herpes-zoster oftálmico, irite, iridociclite, corioretinite, inflamação do segmento anterior, uveíte e coroidite posteriores difusas, neurite ótica e oftalmia do simpático. Afecções respiratórias
– Sarcoidose sintomática; síndrome de Loeffler não controlada por outros meios; beriliose; tuberculose pulmonar fulminante ou disseminada quando associada à quimioterapia antituberculosa adequada; e pneumonite por aspiração. Distúrbios hematológicos 
– Trombocitopenia idiopática e secundária em adultos; anemia hemolítica adquirida (auto-imune); eritroblastopenia; anemia hipoplástica congênita (eritróide); reações transfusionais. Afecções gastrintestinais – para auxiliar o paciente durante um período crítico de colite ulcerativa; enterite regional. Neoplasias – Para o tratamento paliativo de leucemias e linfomas em adultos; leucemia aguda em crianças. Estados edematosos – Para indução da diurese ou remissão da proteinúria na síndrome nefrótica idiopática não-urêmica ou na síndrome nefrótica causada pelo lúpus eritematoso. Outras – Meningite tuberculosa com bloqueio subaracnóide ou bloqueio iminente quando acompanhada de quimioterapia antituberculosa adequada; triquinose associada a distúrbios neurológicos e miocárdicos. 

 

 

Contra-indicações de Celestone Injetavel

CELESTONE Injetável é contra-indicado para pacientes com infecções sistêmicas por fungos, com hipersensibilidade a betametasona, a outros corticosteróides ou a qualquer um de seus componentes.

  1. Seja a primeira pessoa a avaliar este produto

Escrever sua própria revisão

O que achou desse produto? *

  1 estrela 2 estrelas 3 estrelas 4 estrelas 5 estrelas
Preço
Qualidade
Prazo de entrega